Em alta e líder da MLS, Elias Manoel completa 50 jogos pelo New York Red Bulls

Em alta e líder da MLS, Elias Manoel completa 50 jogos pelo New York Red Bulls

No último sábado (6), na vitória (2 a 1) do New York Red Bulls sobre o Cincinnati, pela MLS, Elias Manoel completou 50 jogos pelo seu clube. Atacante entrou os 67 minutos do segundo tempo e, em sua terceira temporada nos EUA, a segunda desde o início, o ex-Grêmio atingiu a importante marca.

“Feliz por atingir esse número aqui. Algo importante para mim, em um momento excelente do time. Estamos fazendo um grande início de temporada e espero que possamos manter. Foi um jogo muito difícil, contra um adversário que também poderia assumir a liderança, mas conseguimos somar os três pontos e subimos na tabela”, avaliou Elias.

Com a vitória, a equipe do atacante chegou aos 14 pontos e assumiu a ponta da MLS com sete partidas disputadas – Elias atuou em seis, com um gol marcado na segunda rodada. Ao todo, em 50 compromissos, 10 gols, cinco assistências e 2.941 minutos em campo.

No mesmo dia em que completou a marca, Elias também pôde acompanhar o título gaúcho do Grêmio, clube que defendeu antes de ir para os EUA. Em um primeiro momento, emprestado. Depois, adquirido definitivamente. Foram 39 partidas e nove gols. Campeão em 2022, foi vice-artilheiro do torneio estadual com cinco gols em dez jogos.

“Foi mais uma conquista muito importante para a história do Grêmio, ainda mais com tantos títulos em sequência. Pude ganhar e sei como é bom. Estava indo para o nosso jogo aqui, mas consegui acompanhar e fiquei na torcida. Parabéns ao Grêmio e a todos. Sempre que posso, acompanho e mantenho contato com alguns amigos lá”, contou o camisa 11.

O New York Red Bulls volta a campo no próximo sábado (13), novamente pela MLS, diante do Chicago.

No Valladolid, Lucas Rosa completa 50 jogos e comenta disputa acirrada pelo acesso à La Liga

No Valladolid, Lucas Rosa completa 50 jogos e comenta disputa acirrada pelo acesso à La Liga

No último sábado (30), no empate em 0 a 0 do Valladolid com o Levante, Lucas Rosa completou 50 jogos pelo seu clube. O lateral disputa sua terceira temporada na Espanha, a segunda na equipe principal. Ao todo, em 23/24, são 30 compromissos, sendo 28 pela La Liga 2 e dois pela Copa do Rei. Lucas marcou um gol e deu duas assistências, sendo titular em 13 oportunidades. Na temporada anterior, 20 duelos, com três assistências.

Peça importante na campanha do Valladolid pelo acesso à Primeira Divisão, Lucas se destaca por atuar em mais de uma posição, identificação com o clube e regularidade. Em novembro do ano passado, renovou seu contrato, válido até 2026.

“Fico feliz por essa marca, de chegar aos 50 jogos. É fruto de muito trabalho, dedicação e dos objetivos que tenho traçado na minha carreira. Que possam vir mais… Queríamos a vitória na partida, mas, apesar de um bom jogo, não conseguimos. A disputa pelas primeiras posições está acirrada, sabemos que agora é momento de foco total e entrega para seguirmos em busca do objetivo do acesso”, avaliou o brasileiro.

Aos 23 anos, Lucas vem de sequência de 12 jogos seguidos na equipe, sendo sete vezes entre os 11, em seis delas os 90 minutos em campo. Nesta semana, na próxima quarta-feira (3), ele completará 24 anos.

“No domingo já temos um compromisso difícil novamente, desta vez, fora de casa. Nessa reta final será preciso toda atenção para nos mantermos entre os seis e, ao final, avançar em busca de uma vaga na La Liga. Ou até lutar para terminar entre os dois primeiros, já que está tudo muito equilibrado. Sabemos o quanto esse retorno é fundamental para o clube e para a nossa torcida”, completou Lucas.

O Valladolid foi rebaixado na temporada passada, na última rodada. Em sexto lugar na La Liga 2 23/24, soma 52 pontos, um a mais do que o sétimo e o oitavo colocados, e apenas três a menos do que o segundo. Faltam nove rodadas para o término da primeira parte da competição.

Zagueiro Ibañez avalia intertemporada pelo Al Ahli-SAU e projeta retomada da Liga Saudita em 2024

Zagueiro Ibañez avalia intertemporada pelo Al Ahli-SAU e projeta retomada da Liga Saudita em 2024

Nesta sexta-feira (16), o Al Ahli, do zagueiro Roger Ibañez, fará sua primeira partida em 2024. Após folga de fim de ano e período de intertemporada, a equipe do brasileiro retomará a Liga Saudita 23/24 diante do Al Akhdoud, às 14h.

– Já estava com saudades das partidas, mas também foi um período bom para recarregar as energias e para a equipe se preparar bem para a segunda parte da temporada. Temos feito uma ótima campanha e na briga pelas primeiras posições na tabela – analisou Ibañez.

Em sua primeira temporada na Arábia Saudita, o defensor é peça importante da equipe, terceira colocada na competição nacional, com presença em 18 dos 19 compromissos na Liga, e dois gols marcados.

– Estou muito satisfeito e feliz aqui. Tem sido uma grande experiência, minha adaptação foi rápida, consegui entender bem o estilo de jogo e creio que este semestre será ainda melhor – comentou o camisa 3.

Aos 25 anos, Ibañez estava na Roma antes de se transferir para o Al Ahli. Na Itália, ganhou destaque com disputas de finais, título da Conference League e convocação para Seleção Brasileira. Na Arábia o defensor também foi chamado para defender o Brasil em duas oportunidades, com o ex-técnico Fernando Diniz.

Após renovação de contrato, Daniel Bessa projeta semifinal de Copa nos Emirados na estreia em 2024

Após renovação de contrato, Daniel Bessa projeta semifinal de Copa nos Emirados na estreia em 2024

Na sexta-feira (9), pela Adib Cup, Daniel Bessa tem compromisso importante pelo Ittihad Kalba, nos Emirados Árabes. Diante do Al Ain, a equipe do meio-campo inicia as semifinais da competição nacional em busca de uma vaga na decisão. Será o primeiro compromisso de 2024.

– Por se tratar de um mata-mata que pode nos levar a disputar uma final, algo inédito para o clube, certamente é uma das partidas mais importantes para mim desde que cheguei aqui. Sabemos das dificuldades, mas nos preparamos muito bem para este momento e vamos focados para fazer um grande jogo e conseguir um bom resultado – analisou o brasileiro.

Bessa vem de ótima temporada nos Emirados, com sete gols e cinco assistências em 14 compromissos. É o segundo ano do meio-campo no país. Nos últimos dias, ele teve seu contrato renovado e estendido até 2026.

– Fiquei muito feliz pela renovação. Vínhamos conversando, tinha mais seis meses de vínculo ainda, até existia uma possibilidade de retorno ao Brasil, mas acertamos e foi ótimo para todos. Espero poder seguir ajudando a equipe da melhor maneira e, quem sabe, com conquistas importantes – explicou Bessa.

Depois da partida da Adib Cup, o Ittihad Kalba retoma seus compromissos na Liga dos Emirados, com jogo na terça-feira (13), diante do Khorfakkan. O último duelo aconteceu ainda em 2023, no dia 23 de dezembro, em derrota por 2 a 1 para o Bani Yas, com assistência de Daniel Bessa.

Autor de gols em finais, Gabriel Menino pode completar marca importante em mais uma decisão pelo Palmeiras

Autor de gols em finais, Gabriel Menino pode completar marca importante em mais uma decisão pelo Palmeiras

Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Neste domingo (4), Gabriel Menino tem pela frente mais uma decisão com a camisa do Palmeiras, diante do São Paulo, pela Supercopa do Brasil. Essa em um momento ainda mais especial: o meio-campista pode completar 200 partidas pelo Alviverde. Aos 23 anos, o jovem busca o seu décimo primeiro título pelo clube.

– É aquele tipo de jogo que todos esperam para ver, que cria uma ansiedade e ao mesmo tempo uma expectativa grande em todos os envolvidos. Estou muito contente pelo meu retorno, por ter voltado bem e sem dores. Foi um período de muito trabalho e agora é hora de poder desfrutar e fazer uma grande temporada – avaliou Menino.

– Atingir marcas relevantes pelo Palmeiras é sempre motivo de enorme satisfação pessoal. É sinal de que o trabalho está sendo bem realizado. Apesar de jovem, são números altos, espero continuar aumentando e sempre em busca de dar o melhor pelo clube – completou o camisa 25.

Decisivo em finais, Gabriel Menino marcou cinco vezes em partidas dessa natureza, e é o segundo atleta do Palmeiras com mais gols em finais no século XXI, atrás somente de Raphael Veiga. No título da Supercopa do Brasil 2023, o meio-campista marcou duas vezes contra o Flamengo, na vitória por 4 a 3. Também no ano passado, o atleta deixou sua marca duas vezes frente ao Água Santa, no Paulistão, sendo mais uma vez decisivo em um título. Em 2021, Gabriel anotou na final da Copa do Brasil contra o Grêmio.

Nas 199 partidas disputadas pelo Palmeiras, o meio-campista marcou 16 gols e deu 19 assistências. Ao todo, são cinco gols em 12 finais.

Nesta Supercopa do Brasil, Gabriel Menino tenta ampliar a sua galeria de títulos. Ele é o quarto atleta formado na base palmeirense com mais conquistas – atrás apenas de Lima e Waldemar Fiume, com 11, e Junqueira, com 12.

– Conquistar títulos é sempre o grande momento para o atleta e para o clube. É por dias assim que trabalhamos muito e vamos em busca de mais um. Sabemos da qualidade do adversário e de tudo que representa o clássico, mas temos que deixar tudo dentro de campo para levar mais essa taça – finalizou o meio-campo.

Gabriel Menino voltou aos gramados no último domingo (28), no triunfo contra o Santos, após mais de três meses se recuperando de lesão no tornozelo direito. Na quarta-feira (31), também atuou na vitória sobre o Red Bull Bragantino, por 1 a 0, ambos pelo Paulistão.