Marcelo Oliveira completará 100 jogos com a camisa do Grêmio

Marcelo Oliveira completará 100 jogos com a camisa do Grêmio

Marcelo Oliveira - Inovem Comunicação

Arte TWK10

Quando entrar em campo no domingo, diante da Chapecoense, pelo Campeonato Brasileiro, Marcelo Oliveira completará 100 jogos pelo Grêmio. O lateral-esquerdo, que também já atuou como volante e zagueiro durante os quase dois anos de clube, chegou ano passado e se firmou como um dos líderes do elenco. Muitas vezes capitão da equipe, ele comemora a marca que será atingida na Arena Grêmio.

– Para mim é um orgulho atingir esta marca, pois foi uma alegria enorme para mim, desde que cheguei, vestir a camisa do Grêmio. Fico muito feliz e que ela possa ser um começo de outras que virão. O mais importante, além das marcas, também são os títulos, que todos querem e que o clube tanto merece – afirmou o lateral-esquerdo.

Aos 29 anos, Marcelo foi um dos jogadores do Grêmio que mais atuaram na temporada passada, somando 60 jogos. Este ano esteve presente em 39 compromissos. O camisa 26 acumula, em 99 partidas, cinco gols e seis assistências. Do total de atuações, foi titular em 98, sendo substituído em apenas três oportunidades.

– É importante a sequência de jogos, na temporada passada atuei quase em todos os jogos e nesta está sendo assim também. Toda comissão técnica e preparação física ajudam muito para estar sempre bem, à disposição, trabalhando e cuidando do corpo. Conseguimos uma classificação boa na última partida, importante, e fiquei feliz em poder ajudar com gol nas cobranças de pênalti. Ressalto também o Marcelo Grohe pelas defesas e todos pela partida. Agora o pensamento passa para o Brasileiro e com certeza vamos fazer de tudo para no domingo mudar o nosso momento na competição – finalizou o gremista.

Após avançar na Copa do Brasil, passando nos pênaltis – Marcelo Oliveira converteu sua cobrança – frente ao Atlético-PR, o Grêmio agora busca sua reabilitação no Brasileiro. A partida diante da Chapecoense acontece às 16h.

Zagueiro Gil treina no Brasil e vai se apresentar à Seleção neste domingo

Zagueiro Gil treina no Brasil e vai se apresentar à Seleção neste domingo

IMG-20160826-WA0078

Gil já está no Brasil para servir a Seleção Brasileira nas Eliminatórias para a Copa do Mundo, contra Equador e Colômbia. O zagueiro chegou em Campos dos Goytacases, no Rio de Janeiro, sua cidade natal, na madrugada da última sexta-feira (26).

Depois de atuar na quarta-feira (24), pela Liga dos Campeões da Ásia, o defensor deixou a Coreia do Sul e seguiu direto para o Brasil. O Shandong Luneng foi batido por 3 a 1 pelo Seoul na partida de ida das oitavas de final. Gil não perdeu tempo e manteve os treinamentos no Brasil.

– Tínhamos esse jogo importante na Coreia e já segui depois direto para o Brasil. Quanto antes chegasse, melhor, pois precisaria ambientar ao fuso. Mantive também os treinos aqui para chegar bem no domingo na apresentação. Tenho família em Campos, que é perto do Rio de Janeiro, e optei por ficar esses dois dias – afirmou Gil, que fez trabalhos em uma academia.

– Fiz um trabalho leve, de recuperação, na sexta-feira. Neste sabádo também já trabalhei pela manhã e domingo também vou fazer um treino. É importante para estar preparado para esse período com a Seleção. O fuso até domingo já estará bom também, pois tenho facilidade nesse tipo de adaptação – completou o zagueiro.

Gil chega a 16 convocações pelo Brasil, com dez jogos (sete como titular). O zagueiro atuou na Copa América Centenário e esteve entre os 11 nos quatro compromissos da competição. São 37 partidas na temporada, sendo cinco com a Amarelinha, uma pelo Corinthians e 31 pelo Shandong.

Romarinho renova contrato com o El Jaish-CAT até 2019

Romarinho renova contrato com o El Jaish-CAT até 2019

Romarinho renova contrato com o El Jaish-CAT até 2019

Há dois anos no El Jaish, Romarinho acertou esta semana sua renovação com o clube até o fim de junho de 2019. O vínculo antigo, firmado após deixar o Corinthians em 2013, iria até junho de 2018. O clube do Catar optou por já estender o contrato com o brasileiro por mais uma temporada.

Aos 25 anos, Romarinho vai para sua terceira temporada pelo El Jaish. Nas duas anteriores, o meia-atacante se destacou pelo faro artilheiro – foram 41 gols em 69 jogos. O camisa 31 conquistou uma Copa do Catar. No próximo domingo (18), começa a Liga do Catar, com estreia diante do Al Wakrak.

– Fico feliz pela renovação. Isso mostra a confiança do clube no meu futebol. Já são dois anos no El Jaish e totalmente adaptado. Estou com a minha família aqui no Catar, eles gostam daqui, e foi muito bom poder estender o vínculo. Agradeço a todos do clube, diretoria, companheiros, comissão técnica e torcedores pelo carinho – afirmou Romarinho.

– Vou para minha terceira temporada e espero que possamos ir bem nas competições locais. Temos a Liga dos Campeões da Ásia também, uma disputa muito importante, e vista no mundo todo. Estamos em desvantagem, mas nada está perdido. Fizemos uma boa preparação para tentar buscar essa vaga – finalizou o camisa 31.

O El Jaish entra em campo nesta quarta-feira (14), às 13h45 (Brasil), diante do Al Nasr, fora de casa. Em partida válida pelas oitavas de final da Liga dos Campeões da Ásia, os visitantes precisam reverter um resultado adverso de 3 a 0 no confronto de ida.

A renovação de Romarinho foi conduzida pela Carlos Leite Sports, empresa responsável pelo gerenciamento de carreira do jogador. O representante Renato Costa posou para foto (anexo) com o brasileiro durante a assinatura.

Após gol, Ferrugem quer Figueirense forte também fora de casa

Após gol, Ferrugem quer Figueirense forte também fora de casa

Após gol, Ferrugem quer Figueirense forte também fora de casa

Autor de um dos gols da vitória (3 a 2) do Figueirense sobre o Internacional, o primeiro dele pelo clube, Ferrugem foi titular em todas as partidas da equipe no Campeonato Brasileiro. O volante, que deve ser mantido no time para o compromisso desta quarta-feira (22), fora de casa, frente ao Botafogo, agora quer a primeira vitória longe de Florianópolis.

– Fomos muito bem contra o Internacional, que era o líder da competição. Temos de fazer o mesmo, agora fora. Comemoramos muito, fiquei feliz pelo gol, mas agora já é pensar no próximo compromisso. Precisamos pontuar fora também – afirmou o camisa 77.

Com 12 pontos, o Figueirense está em 12º lugar na tabela. A único ponto longe do Orlando Scarpelli foi diante do Cruzeiro, no Mineirão, no empate em 2 a 2. Nas outras três partidas, três derrotas.

– Conseguimos equilibrar os jogos, foram bem parelhos, mas infelizmente os pontos não vieram como a gente queria. Esperamos que, desta vez, seja diferente. Vamos respeitando o adversário, mas sabendo que é possível pontuar – completou o volante, que tem 16 jogos pelo Figueirense na temporada.

Quem também fez bonito diante do Inter foi Lins. O atacante recebeu sua primeira oportunidade como titular, a quarta desde que chegou, e foi decisivo. O camisa 90 sofreu pênalti no primeiro gol e deu assistência para o terceiro.

– É sempre bom ajudar nos gols, ainda mais para quem joga ali na frente. Fiz o que o professor me pediu, procurei me movimentar para abrir os espaços e conseguimos criar. Espero manter este nível nas próximas partidas e, com ritmo de jogo, melhorar cada vez mais – finalizou o atacante.

Alisson anota sexto gol pelo Cruzeiro em 2016 e chega a sua melhor marca no clube

Alisson anota sexto gol pelo Cruzeiro em 2016 e chega a sua melhor marca no clube

Alisson anota sexto gol pelo Cruzeiro em 2016 e chega a sua melhor marca no clube

O meia-atacante Alisson marcou um dos gols na vitória do Cruzeiro, por 4 a 0, diante da Ponte Preta. Na noite da última quarta-feira, no Moisés Lucarelli, foi do camisa 11 a cobrança de pênalti que sacramentou o resultado positivo dos mineiros.

Com a rede balançada, Alisson chegou a seis gols em 21 jogos disputados no ano. Ele ainda soma uma assistência. Em 2014 e em 2015, o meia-atacante foi cinco vezes para a rede. Ao todos são 16 gols em 90 compromissos pelo clube.

– Fico feliz pela marca. Ainda estamos no meio do ano, temos muitos jogos pela frente, e já consegui superar o número de gols das temporadas passadas. Divido tudo isso com os meus companheiros, pois sem eles não chegaria neste número. E vou seguir em busca do meu objetivo, que é de fazer dez gols – afirmou Alisson.

– Foi uma vitória importante e que estávamos precisando. O grupo se fechou, conversamos antes da partida, e colocamos na nossa cabeça que poderíamos vencer. Agora, sabemos que já teremos uma nova pedreira pela frente. O Palmeiras é o líder, tem jogado bem, mas temos de fazer valer o fator casa para buscar os três pontos. Diante da nossa torcida precisamos dar tudo em campo – finalizou o camisa 11.

Alisson chegou a dois gols em seis partidas pelo Campeonato Brasileiro. Foi o quarto jogo seguido como titular com o técnico Paulo Bento. Dos outros quatro gols marcados na temporada, três foram pelo Campeonato Mineiro e pela Primeira Liga.